Laís Amaro, que já brilhou no Cantos & Contos, foi aprovada no The Voice Kids juntamente com outra menina paraibana

LaísAmaro Site17012016

LaísAmaro Site17012016
O The Voice Kids deste domingo (17) trouxe duas representantes do estado da Paraíba. Laís Amaro, de Cajazeiras, no Sertão, e Marina Silveira, de João Pessoa. As duas foram escolhidas pelos técnicos nas audições e passaram para a próxima etapa do programa.

Com sua sanfona, Laís Amaro cantou ‘Qui nem jiló’ nas Audições do The Voice Kids e conquistou Carlinhos Brown no último segundo.

Aos 10 anos, a menina de Cajazeiras, na Paraíba, tem um CD gravado e se apresenta em clubes, igrejas e escolas de sua cidade. A carreira começou em 2014 com o apoio do pai, que também é cantor e sanfoneiro.

A sanfona de Laís fez sucesso com os técnicos e a candidata colocou todo mundo para dançar com uma palhinha de “Petrolina Juazeiro”.

Brown disse que a cajazeirense orgulha o Brasil com sua música e inspiração no Mestre Luís Gonzaga.

Aos 11 anos, Marina Silveira, da cidade de João Pessoa apresentou sua versão de ‘We remain’ e teve que encarar o dilema de escolher Ivete Sangalo ou Carlinhos Brown, ficando com Ivete.

No Cantos & Contos – Laís Amaro se apresentou ao lado do pai, Chico Amaro, no programa que foi ao ar no domingo, 12 de outubro de 2014 – Dia da Criança, pela TV Correio/Record, canal 12, quando tinha apenas oito anos de idade e um talento de gente grande.

A Princesinha do Acordeom, como já é reverenciada a artista mirim, já tem um CD lançado, com 14 músicas, inclusive uma que conta sua história. É a canção intitulada “Minha História Virou Música”, escrita pelos pais da garota, Diana Gomes e Chico Amaro.

A música fala sobre a história da pequena Laís, que desde cedo é apaixonada pelo seu instrumento. “Não foi fácil e sei que ainda vai ser bem difícil; mas, meus pais me dão força pra continuar”, disse a cantora mirim.

Além do talento fantástico, Laís tem personalidade definida no que diz respeito às suas preferências musicais. Em vez de citar artistas de sucesso no momento, a Princesinha do Acordeom vai direto ao ponto e afirma categoricamente que só gosta mesmo de forró e aponta a obra do Rei do Baião, Luiz Gonzaga, como sua referência maior.

O Cantos & Contos está na torcida pela Princesinha do Acordeom, Laís Amaro!

Spread the love